Óleo de rícino: como usar esse óleo para o crescimento dos cabelos?

Óleo de rícino: como usar esse óleo para o crescimento dos cabelos?

Você quer que seus cabelos cresçam rápido e não sabe o que fazer? OhMyMag te conta todos os segredos do óleo de rícino e seus benefícios para o crescimento do cabelo.

Por que usar o óleo de rícino para acelerar o crescimento do cabelo?

O óleo de rícino é um óleo vegetal com numerosos benefícios, e é muito usado para o crescimento dos cabelos, cílios e até sobrancelhas. Ele ajuda a fazer o cabelo crescer cerca de 0,5cm a 1cm além do 1cm normal de cada mês.

O óleo de rícino sozinho é particularmente eficaz, mas também pode ser associado a outros ingredientes naturais, como o óleo de coco ou o azeite de oliva.

Como usar o óleo de rícino para acelerar o crescimento do cabelo?

O óleo de rícino tem uma textura consistente e viscosa e pode ser difícil de aplicar se usado sozinho.

Leia também: queda de cabelo masculino

Se você quer acelerar o crescimento dos seus cabelos, misture o óleo de rícino com uma ou duas colheres de sopa de azeite ou óleo de coco para dar uma consistência mais agradável. Espalhe em seguida nas raízes dos cabelos e massageie o couro cabeludo. Deixe agir de 6 a 12 horas. Você pode enrolar o cabelo em uma toalha quente ou em filme plástico para acelerar o efeito e não manchar o travesseiro, se quiser dormir com a máscara.

Lave os cabelos depois com seu shampoo do dia a dia. Repita o procedimento todos os dias durante 4 semanas. Não mais que isso, pois se o tratamento for longo demais, não será eficaz. Você pode retomar depois de 3 semanas.

LEIA TAMBÉM
Estudo indica qual corte de cabelo combina melhor com a proporção do seu rosto
Outras maneiras de usar o óleo de rícino para o crescimento do cabelo

Para ajudar a acelerar o crescimento dos cabelos, o óleo de rícino pode ser associado a outras plantas benéficas. Por exemplo: o óleo de rícino é ainda mais eficiente se usado com urtiga. Na verdade, ela é um concentrado de vitaminas tonificantes e fortificantes para os cabelos.

Você pode misturar uma colher de sopa de hidrolato de urtiga com uma colher de sopa de óleo de rícino para fazer um tratamento expresso super eficaz para o crescimento dos cabelos.

Aplique nas raízes e massageie delicadamente por 10 minutos, depois lave com água limpa. Você também pode substituir o hidrolato de urtiga por óleo de amêndoas e fazer um tratamento a cada 2 meses. Você deve ver um crescimento mais rápido dos cabelos após 2 ou 3 meses.

Como usar a Biotina para o cabelo crescer mais rápido

Como usar a Biotina para o cabelo crescer mais rápido

Para combater a queda de cabelo e fazer o cabelo crescer mais rápido, deve-se tomar a dose de 5 a 10 mg de biotina por dia, o que pode ser obtido através da ingestão diária de alimentos ricos em biotina, assim como pela ingestão de um suplemento de biotina, sob orientação do médico ou nutricionista.

A biotina é uma vitamina do complexo B que, além de ajudar a evitar a queda de cabelo, também contribui para diminuir a caspa, manter a saúde da pele, fortalecer as unhas, melhorar a circulação sanguínea e o sistema nervoso, além de favorecer a absorção das outras vitaminas do complexo B no intestino. Confira mais sobre as propriedades da biotina.

Benefícios para o cabelo
A biotina ajuda na produção de queratina, uma importante proteína para a composição dos cabelos. Além disso, faz parte do metabolismo de diversos nutrientes, que ajudam a manter a hidratação da pele, do couro cabeludo e o crescimento de fios saudáveis. Outros benefícios incluem:

Crescimento de fios mais fortes e resistentes;
Aparência rejuvenescida e saudável aos cabelos;
Prevenção da queda dos cabelos;
Reparação da espessura dos fios;
Prevenção do surgimento de fios brancos.
Apesar destes efeitos poderem ser notados em qualquer pessoa, quando a queda de cabelos é por causa genética, como na alopécia androgênica, os efeitos da biotina ficam mais limitados. Também é recomendado adotar hábitos que ajudam o fortalecimento dos fios, como hidratar o cabelo 1 vez por semana, evitar usar bonés e não fumar. Saiba mais dicas do que fazer para o cabelo crescer mais rápido.

Leia também: Biotina funciona

Como tomar o suplemento de biotina
O suplemento de biotina deve ser tomado de acordo com as orientações do médico ou nutricionista, pois a quantidade de biotina em cada suplemento varia de acordo com a sua marca e, para o cabelo crescer mais rápido, são necessários 5 a 10 mg de biotina por dia.

Saiba mais sobre o suplemento de biotina em: Biotina.

Além do suplemento de biotina, para o cabelo crescer mais rápido existem também shampoos com biotina, que podem ser utilizados diariamente nos cabelos, porém o seu efeito para fortalecer os cabelos ainda não está comprovado.

Alimentos ricos em biotina
Consumir diariamente alimentos ricos em biotina como amendoim, avelã, farelo de trigo, noz picada ou amêndoa, por exemplo, também pode ajudar a combater a queda de cabelo e fazer o cabelo crescer mais rápido.

Varizes: como é feito o tratamento, principais sintomas e possíveis complicações

Varizes: como é feito o tratamento, principais sintomas e possíveis complicações

As varizes são veias dilatadas que podem ser facilmente observadas por baixo da pele, que surgem especialmente nas pernas, causando dor e desconforto. Elas podem ser causadas pela má circulação, especialmente durante a gravidez e a menopausa, mas atinge especialmente os idosos.

As varizes acontecem com mais frequência em mulheres, mas também podem aparecer nos homens, isso por que os fatores que influenciam a ocorrência das varizes são muito diversos, podendo acontecer pelo fato da pessoa ficar sentada ou em pé por muito tempo, por exemplo. O diagnóstico das varizes é normalmente feito pelo angiologista ou cirurgião vascular de acordo com as características das varizes e sintomas associados.

Como é feito o tratamento
O tratamento das varizes pode ser feito com a melhora da circulação sanguínea, mudando hábitos de vida, tomando remédio para varizes ou fazendo tratamentos como a aplicação de substâncias diretamente na varize ou a cirurgia nos casos mais graves. ​​No caso das varizes que causam muita dor nas pernas o tratamento pode ser feito através da:

Leia também: Varicell funciona

Escleroterapia, que é um tratamento que consiste na aplicação de substâncias diretamente na varize ou de laser para remover as varizes e aliviar o sintomas;
Cirurgia, que é indicada quando as varizes têm grande calibre e causam sintomas como dor, coceira e inchaço nas pernas que pode comprometer o movimento.
A escolha do tratamento é feita pelo angiologista ou cirurgião vascular, em que é analisado local de ocorrência da varize, tamanho e sintomas associados. Saiba mais sobre o tratamento de varizes.

Além disso, algumas recomendações do médico para serem adotadas após o tratamento ou para prevenir as varizes são:

Usar meias de compressão elástica sob orientação médica, pois melhoram o retorno venoso e diminuem as chances das varizes ocorrerem ou voltarem;
Usar medicamentos para varizes, como Varicocell e Antistax, de acordo com orientação médica – Veja outros remédios indicados para tratamento das varizes.
Colocar um calço no pé na cama para facilitar o retorno do sangue para o coração;
Fazer exercícios físicos regularmente com orientação de um profissional;
Fazer drenagem linfática 3 vezes por semana;
Consumir alimentos como a castanha-da-índia, que melhora a circulação sanguínea;
Sentar e deitar com as pernas para cima;
Além disso, é importante evitar usar salto alto, ficar sentado ou em pé por muito tempo, pois essas situações podem favorecer o aparecimento de varizes.

Tratamento caseiro
O tratamento caseiro para varizes consiste no uso de medicamentos naturais, como a Novarrutina, por exemplo, pois possui em sua composição substâncias capazes de aliviar a dor e o inchaço das pernas. Além disso, podem ser feitas compressas com couve e com o chá de cardo-mariano, pois conseguem diminuir os sintomas e trazer a sensação de bem-estar. Veja 8 remédios caseiros para varizes.

Possíveis complicações
Quando as varizes não são tratadas corretamente, podem haver complicações como dermatite, eczema, úlceras na perna, tromboflebite, dor e trombose venosa profunda, que é uma situação grave em que há formação de trombos (coágulos) nas veias da perna que podem dificultar ou bloquear a passagem de sangue. Saiba mais sobre a trombose venosa profunda.

Principais sintomas das varizes
Os principais sintomas que acontecem nas varizes são:

Sensação de peso nas pernas;
Formigamentos;
Sensibilidade na região;
Manchas escuras na perna;
Coceira.
É importante observar as características das varizes, assim como os sintomas associados para que a orientação do tratamento pelo médico seja a mais correta possível.

Varizes pélvicas
As varizes pélvicas possuem a mesma causa das varizes nas pernas, no entanto, estão localizadas na região pélvica, ou seja, surgem ao redor do útero, trompas e ovários, causando dor abdominal intensa na mulher. Essa dor pode ser sentida durante após as relações sexuais, sensação de peso na região íntima, aumento do fluxo menstrual e incontinência urinária. Veja como identificar e tratar as varizes pélvicas.

As varizes pélvicas podem ser identificadas por meio de tomografia do abdome ou da região pélvica, angioressonância ou flebografia, que é uma espécie de raio-X que permite a visualização das veias após a injeção de um contraste.

Varizes esofágicas
As varizes esofágicas normalmente não apresentam sintomas, porém quando sangram, pode levar a vômitos com sangue, sangue nas fezes, tonturas e perda da consciência. Esse tipo de varize normalmente acontece em função da cirrose hepática, que acaba por obstruir a circulação do sistema porta e aumentar a pressão venosa no esôfago.

O diagnóstico das varizes esofágicas pode ser feito por endoscopia digestiva e exames de imagem, como tomografia computadorizada e ressonância magnética. Saiba como tratar as varizes no esôfago.

Principais causas
As varizes são mais comuns de acontecer em mulheres grávidas ou na menopausa, mas podem acontecer menos frequentemente em homens. Algumas situações que podem influenciar a ocorrência de varizes são:

Uso de anticoncepcionais;
Obesidade;
Sedentarismo;
Atividade profissional, pois ficar sentado ou em pé por muito tempo podem levar ao aparecimento de varizes.
Além disso, as varizes podem ser resultado de fatores genéticos, sendo considerada uma condição hereditária.

Sucos Verdes – As 5 Melhores Receitas para Emagrecer

Sucos Verdes – As 5 Melhores Receitas para Emagrecer

Os sucos verdes são uma ótima forma de aumentar a ingestão de verduras de uma forma saborosa e prática. Além de partilhar com você as melhores receitas, vou ensinar como fazer um suco verde, quais os erros a evitar na preparação dos sucos e muito mais. Consumir um suco verde por dia tem muitos benefícios: aumenta da energia física e mental, torna a pele mais radiante, ajuda a emagrecer, melhora a digestão, etc.

Parece difícil de acreditar, mas só quem já provou é que entende a sensação de energia que um bom suco verde dá.

Save

Um plano completo de saúde inclui uma dieta saudável, exercício físico, eliminação de estresse e um sono de qualidade. Mas por onde começar? Existe um grande volume de informação e informação contraditória.

Consumir sucos verdes ajuda a melhorar todas estas áreas, enquanto você trabalha na sua reeducação alimentar e nos detalhes de cada uma dessas áreas.

Os sucos verdes são uma ótima forma de emagrecer, tornando a alimentação mais saudável sem ter de aprender muita teoria sobre vida saudável.

Os sucos contêm poucas calorias e muitos dos nutrientes que fazem falta a quem tem uma dieta baseada em alimentos industrializados.

Listagem do conteúdo: [Esconder]

Uma Dieta Detox Só Com Sucos Verdes?
Os Sucos Verdes Emagrecem Mesmo?
5 Receitas de Sucos Verdes
A Diferença Entre Sucos Verdes e Detox
Como Fazer um Suco Verde?
Como Não Fazer um Suco Verde!
Sucos Verdes para Iniciantes
Ingredientes Para Fazer Mais Sucos Verdes
Melhorar o Sabor do Suco Verde
Os Sucos Verdes Engordam?
Quanto Suco Posso Beber?
Quando Devo Tomar o Suco Verde?
Como Conservar os Sucos
Uma Dieta Detox Só Com Sucos Verdes?
Save
Um suco verde ou detox contém muitos nutrientes, mas é importante dizer que tem pouca proteína e ainda menos gorduras. Muitas pessoas escolhem fazer uma dieta detox que consistem em tomar sucos e água, enquanto evitam todos os outros alimentos. Esta dieta é extrema e não é recomendada para a maioria das pessoas. Um suco detox não é um alimento completo e deve ser utilizado como um suplemento a uma dieta saudável.

Se você deseja emagrecer e manter o seu peso não basta tomar sucos e esperar pelo melhor. É recomendado melhorar o seu conhecimento sobre receitas saudáveis e trabalhar na sua reeducação alimentar.

Os sucos verdes são uma forma ideal de consumir mais vegetais sem ter o trabalho de comer quilos de verduras, com a vantagem adicional da diminuição da ingestão calórica.

Os Sucos Verdes Emagrecem Mesmo?
Save
Tomar um suco verde por dia ajuda a eliminar gordura, mas é preciso mais que isso. Muitas pessoas procuram os sucos verdes porque querem emagrecer rápido. O Joe Cross é um australiano famoso por perder mais de 40 quilos com uma dieta detox onde só consumiu sucos verdes e água. Este método é extremo e muitas pessoas procuram os mesmos resultados.

Um suco verde pela manhã é uma ótima forma de emagrecer, pois contém muitos nutrientes e poucas calorias. Tem poucas calorias e está carregado de vitaminas, minerais e fibra solúvel.

Para ter os melhores resultados é necessário juntar os sucos verdes com as outras estratégias de emagrecimento. Estas são as principais estratégias a seguir para maximizar a perda de gordura e melhorar a saúde com sucos verdes:

Substituir o café da manhã por um suco verde. Pode tomar até 3 sucos por dia.
Quebre o jejum intermitente com um suco verde. Evite o café da manhã e adie tomar o suco ao meio dia. Se você acordar sem fome, não coma de imediato. Tome o suco meia hora antes do almoço para ser mais fácil comer pouco. No almoço evite os carboidratos e coma só a carne, peixe e os vegetais.
Torne a sua alimentação mais saudável seguindo o nosso cardápio para emagrecer. Este cardápio low carb é baseado na dieta paleo e tem como objetivo aumentar a densidade nutricional da alimentação, diminuir a densidade calórica, enquanto regula o apetite.
Tome os sucos pelo menos uma hora antes de ingerir alimentos sólidos. Isso permite a absorção dos nutrientes e diminui o apetite antes da refeição, o que facilita o controlo de porções.
Beber muita água para facilitar o processo de desintoxicação.
Fazer caminhada é um bom exercício que todos podem fazer.
Fazer musculação acelera a queima de gordura e mantém a massa muscular para uma composição corporal mais atraente.
Utilizar várias estratégias mencionadas ajuda a acelerar a perda de gordura e a manutenção da massa muscular.

5 Receitas de Sucos Verdes
Save
Aqui ficam algumas receitas de sucos verdes:

Suco de Couve, Salsão/Aipo e Maçã – 5 folhas de alface, 2 folhas de repolho crespo ou couve manteiga, 1 pepino, 3 pedaços de aipo, 1 maçã verde.
Suco de Salsão, Pepino e Gengibre – 3 pedaços de aipo, 1 pepino, 1 massinho de coentros, 1 massinho de salsa, 1 pedaço pequeno de gengibre (1 a 1,5 centímetros).
Suco de Salsão/Aipo e Maçã – ¼ de erva doce, 4 pedaços de aipo, 1 maçã.
Suco de Couve, Salsão/Aipo e Gengibre – 4 folhas de repolho crespo ou couve manteiga, 3 pedaços de aipo, ½ limão, 1 pedaço pequeno de gengibre (1 a 1,5 centímetros), 1 colher de chá de maccha (chá verde em pó).
Suco de Couve, Cenoura e Maçã – 2 cenouras, ½ maçã, 3 folhas de repolho crespo ou couve manteiga, 1 pepino, juntar uma colher de óleo de coco e passar na liquidificadora.
A Diferença Entre Sucos Verdes e Detox
Save
Os dois tipos de suco são similares e ambos fazem bem à saúde. Muitas vezes os termos são utilizados para falar do mesmo: sucos de vegetais e frutas feitos com uma centrífuga de frutas.

A diferença está nos ingredientes. Os sucos detox contém frutas e todo o tipo de vegetais, incluindo cenouras, beterraba, etc. Os sucos verdes contém mais vegetais crucíferos e normalmente têm um sabor mais amargo.

Os sucos detox contém mais frutas e normalmente têm sabores mais doces, contendo também mais calorias. Os sucos verdes são muitas vezes feitos só com vegetais verdes e com a adição de um limão ou uma maça.

Não vale a pena diferenciar as duas denominações, pois ambos os sucos podem ser feitos de forma a ter benefícios de saúde. Tanto os sucos verdes como os detox podem ser feitos da forma errada. Alguns erros na produção dos sucos são a adição de frutas em excesso, a utilização de liquidificadoras em vez de centrífugas, adição de açúcar, etc.

Como Fazer um Suco Verde?
Save
Fazer sucos verdes saudáveis começa por escolher receitas com sucos que sabem bem enquanto o sistema digestivo se adapta a vegetais mais nutritivos.

Os sucos verdes devem ser feitos numa centrífuga e não na liquidificadora. A centrífuga separa a fibra do suco e permite processar uma grande quantidade de vegetais. Os sucos da liquidificadora são mais espessos e não permitem a absorção rápida dos nutrientes e limitam a quantidade de vegetais que você pode ingerir.

Os vegetais com um sabor doce como o pepino, abobrinha, salsa e cenoura são bons vegetais para iniciantes. A ideia é começar com estes vegetais e adicionar vegetais como o espinafre e a couve em maiores quantidades.

Diferentes vegetais têm sabores com intensidades diferentes. O suco de beterraba tem um sabor mais intenso que o suco de cenoura, por isso deve ser combinado com vegetais com sabores mais suaves como o aipo, pepino, a maçã ou o limão.

Leia também: como fazer suco verde

O suco de couve tem um sabor forte, mas quando é misturado com cenoura ou aipo fica muito saboroso. Adicionar um pouco de gengibre, uma maçã e um pouco de brócolis também combina bem.

Como Não Fazer um Suco Verde!
Aqui está um vídeo da Paloma Bernardi fazendo um suco verde com liquidificadora. Os ingredientes são algumas folhas de couve e 1 pedaço de gengibre com água ou água de coco. Estes ingredientes fazem a base do suco para congelar e durar toda a semana. Na hora de consumir o suco ela pega em 2 cubos do gelo de couve e mistura um copo de suco de laranja, maçã ou água de coco. Veja o vídeo e diga o que está errado…

Leia também: Farinha seca barriga funciona

Você viu o problema desta receita de suco verde?

Este suco é feito com suco de laranja pasteurizado e contém uma quantidade muito pequena de couve e de gengibre. A única coisa verde que o suco tem é a cor.

A quantidade de vegetais crucíferos neste suco é muito pequena. Este suco com 330ml de suco de laranja contém 156 calorias e 36 gramas de açúcar! Uma Coca Cola só tem 34 gramas de açúcar!

O suco é feito na liquidificadora, que não retira a fibra e dificulta extrair suco de uma quantidade maior de vegetais. O suco detox do Joe Cross tem o quadruplo da quantidade de couve, um pepino, salsão e mais vegetais… E contém muito menos açúcar do que este suco. A quantidade de nutrientes deste suco é baixa e a quantidade de calorias é alta – o objetivo é fazer o contrário: mais nutrientes e menos calorias.

Leia também: Phytophen funciona

Sucos Verdes para Iniciantes
Para se habituar a tomar sucos verdes é necessário começar com os vegetais com sabor mais leve. É importante que você se sinta bem depois de tomar os sucos. Se o suco for um pouco pesado deve consumir uma quantidade menor e diluir com água. Pode demorar algum tempo até o sistema digestivo se habituar.

Leia também: Kifina funciona

Para os iniciantes eu sugiro fazer uma base com duas cenouras e duas maçãs verdes. Adicione aipo, pepino e alface. O objetivo é adicionar mais vegetais crucíferos pois têm uma densidade nutricional mais elevada. Adicionar um limão ajuda a aumentar a absorção de nutrientes e a melhorar o sabor do suco.

Ingredientes Para Fazer Mais Sucos Verdes
Save
Os ingredientes que vou falar a seguir são para os iniciantes em sucos verdes. O objetivo é começar com os sabores mais suaves e com o passar do tempo consumir sucos com vegetais mais nutritivos. Se você quer começar a fazer sucos com os vegetais mais amargos pode adicionar um limão ou uma lima para cortar o sabor.

Se o seu objetivo é emagrecer é vantajoso utilizar um limão, em vez de cenouras, beterraba ou maçãs que contém mais frutose que o limão ou a lima.

Aqui estão os ingredientes recomendados para os iniciantes em sucos verdes:

Cenoura e maçã. Apesar de não ser um suco verde, esta base é ideal para iniciantes. Tem um sabor bom e é leve no sistema digestivo.
Pepino, aipo, salsão e funcho. Apesar de não serem tão ricos em nutrientes como a couve ou o espinafre, estes vegetais são os mais fáceis de digerir e têm um sabor agradável. Depois de algumas semanas você pode começar a adicionar outros vegetais com um sabor mais intenso.
Espinafre, alface, chicória e endívia. Estes vegetais têm um sabor um pouco mais intenso, mas não tão forte como a couve.
Salsa e coentro. As ervas aromáticas podem dar um bom sabor aos sucos. É preciso algum cuidado com os coentros, pois algumas pessoas não toleram tão bem. Comece com quantidades pequenas e aumente devagar.
Couve lombarda, couve manteiga, folhas de dente de leão. O suco de couve é um dos mais nutritivos apesar do sabor amargo.
Melhorar o Sabor do Suco Verde
Save
Para melhorar o sabor do suco pode adicionar alguns destes vegetais e frutas:

Limão e lima. Pode adicionar uma metade ou um limão inteiro por cada 500ml de suco. Pode adicionar sem descascar.
Maçã verde. Uma maçã ajuda a cortar o sabor amargo dos sucos. Contém poucas calorias e ajuda na digestão do suco.
O gengibre melhora o sabor do suco e ajuda a limpar o intestino, melhora a saude cardiovascular, baixa o colesterol e previne a oxidação do colesterol bom.
O suco de cenoura e o suco de beterraba também têm grandes beneficios, mas se o seu objetivo é emagrecer é possivel diminuir a ingestão calórica evitando estes vegetais. Para mais receitas com estes vegetais veja as receitas de sucos detox.

Um suco verde é baseado em vegetais crucíferos, outros vegetais como a beterraba, gengibre e alguns frutos para melhorar o sabor. Por norma os vegetais e frutas não combinam bem – o limão e a maçã são as escolhas seguras.

Os Sucos Verdes Engordam?
Save
Os sucos verdes contêm muitos nutrientes e poucas calorias, por isso não engordam e são uma boa ajuda para emagrecer. Se o seu objetivo é emagrecer deve minimizar a quantidade de fruta dos sucos para baixar a densidade calórica e evitar a frutose. Para cortar o sabor amargo a melhor solução é adicionar um limão ou uma maçã.

Dito isso é importante dizer que nunca vi ninguém a ficar obeso por comer demasiada fruta. As causas da obesidade são o consumo excessivo de produtos industrializados com muitos carboidratos como refrigerantes, sucos de fruta, pão, macarrão e outros alimentos de densidade calórica elevada e com poucos nutrientes. Independentemente de você tomar um suco ou não, você precisa de um déficit calórico para emagrecer. Para manter o seu peso novo é necessário mudar os seus hábitos alimentares.

Quanto Suco Posso Beber?
Save
Eu recomendo beber 500ml de suco por dia, mas você pode beber mais. A forma mais prática é fazer o suco pela manhã, beber tudo ou dividir para beber em duas vezes.

É melhor tomar o suco fresco, mas o suco pode ser conservado de 12 a 24 horas. A melhor forma de conservar é num recipiente de vidro, enchendo o frasco até acima e meter no frigorifico. O recipiente deve estar cheio para ter o mínimo de ar para evitar a oxidação. Adicionar um limão ao suco ajuda a evitar a oxidação.

Quando Devo Tomar o Suco Verde?
Save
Um dos hábitos isolados mais fáceis para emagrecer de forma saudável é substituir uma ou mais refeições por sucos de vegetais. Se você quer emagrecer alguns quilos sem fazer exercício tente substituir o café da manhã por um suco verde. As regras básicas para criar um suco que leva ao emagrecimento estão no artigo sobre sucos para emagrecer. É necessário um cuidado especial com o excesso de fruta, pois a frutose tem muitas calorias e diminui a queima de gordura.

Ao consumir um suco de verde, os nutrientes, vitaminas e minerais são rapidamente absorvidos pelo organismo. A absorção é rápida porque a fibra insolúvel dos vegetais foi removida, ficando só a fibra solúvel. A fibra solúvel tem muitos benefícios para a saúde: melhora a digestão, ajuda a baixar o colesterol mau (LDL), o que diminui a formação de placa nas artérias e o risco de problemas cardíacos e acidentes vasculares.

Como Conservar os Sucos
Save

Demora sempre algum tempo para lavar os vegetais, preparar o suco e limpar a centrífuga. Por isso é mais prático fazer mais suco durante a manhã, para tomar mais tarde. É melhor tomar os sucos logo após a confecção, mas pode também fazer para tomar algumas horas mais tarde.

Com alguns cuidados pode conservar os sucos até 24 horas com pouca perda de nutrientes. Aqui estão algumas dicas para conservar o seu suco verde:

Adicionar um limão ou duas limas melhora o sabor do suco verde e atrasa o processo de oxidação.
Conserve o suco num recipiente de vidro à medida do suco, para ter o mínimo de ar dentro do recipiente de modo a evitar a oxidação. O ar contém cerca de 20% de oxigênio que oxida os nutrientes. Utilize recipientes compatíveis com uma bomba de vácuo. Isto remove todo o oxigênio e minimiza a oxidação.
Conserve no frigorifico e retire antes de consumir.